Como o HIIT pode turbinar sua saúde

postado em: Blog | 0
Dinamismo e eficiência são pontos fortes do HIIT!
Dinamismo e eficiência são pontos fortes do HIIT!

Se você vai à academia provavelmente já ouviu falar no HIIT (“Treinamento Intervalado de Alta Intensidade”, em inglês), uma modalidade que vem crescendo nos últimos tempos.

Ela merece o sucesso que faz? Quais os seus benefícios, afinal? O personal trainer Fabrício Kozel explica!

“O HIIT traz muitos benefícios (desde que feito da maneira correta). O principal objetivo é gerar eficiência no emagrecimento e na queima de gordura através da intensidade elevada do treinamento. O praticante chega ao máximo de esforço em períodos rápidos e intensos, com pequenas pausas entre suas séries.

Mais leve e mais forte
Este formato de treino é benéfico por uma série de motivos. Um deles é a perda de peso sem afetar a massa muscular: o HIIT promove um aumento do metabolismo pelo fato de estimular o hormônio do crescimento durante as primeira 24 horas após terminar seu treino.

Esta modalidade é considerada rápida e eficiente, pois ao invés de manter o corpo em baixa intensidade por muito tempo, faz o praticante alternar intervalos de intensidade moderada com períodos de esforço máximo. O mais prático é que não é necessário nenhum tipo de material: pode-se treinar somente usando o peso de seu corpo.

Dinamismo
O treinamento intervalado de alta intensidade tem uma metodologia própria, tendo no dinamismo sua essência – pois suas séries são alteradas diariamente não deixando o treino cair na monotonia. Essa é uma vantagem poderosa para quem normalmente se desmotiva com as séries tradicionais de musculação.

Mas, como toda modalidade, deve-se começar devagar e ir aumentando as intensidades a partir do momento que seu condicionamento vai melhorando.

Passo a passo
Para que fique mais claro como o HIIT funciona, podemos exemplificá-lo da seguinte maneira:

Comece com uma proporcionalidade de 1 para 4, sendo 1 o estímulo do exercício e 4 o tempo de descanso, exercitando–se por 15 minutos.

Depois aumente tempo de treino elevando a razão de 1 para 2, tendo um tempo total de 18 minutos.

Em uma terceira fase, a razão de treino e descanso fica igual, de 1 para 1 chegando a 20 minutos de treino.

Por último, em uma escala de evolução, a razão aumenta de 2 para 1 – ou seja, o tempo de treino é maior que o tempo de descanso, chegando a um total de 25 minutos de treino.

A partir daí, o tempo não vai poder ser uma desculpa para não praticar atividade física! O HIIT é uma excelente opção para quem tem pouco tempo e não tem a sua disposição uma academia.

Bons treinos!”

Acompanhe a Silvia’s Fitness no Facebook e no Instagram e fique de olho nas novidades!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *